Propostas que discutiriam a proibição de acorrentamento de animais domésticos e venda do Departamento de Informática da Universidade de Taubaté tiveram a votação adiada, durante a sessão do dia 23.

De autoria do vereador Douglas Carbonne (DEM), o projeto de lei 26/2021 proíbe o acorrentamento de animais domésticos e estipula multa de R$ 209,16 ao infrator. O adiamento da votação ocorreu após pedido de vista feito pela vereadora Elisa Representa Taubaté (Cidadania).

O projeto de lei 57/2021, de autoria do prefeito José Saud, autoriza a venda do prédio onde funcionava o Departamento de Informática da Unitau, imóvel localizado na avenida Marechal Deodoro e avaliado em R$ 11,5 milhões. O vereador Jessé Silva (PL) pediu vista da proposta. Ambas deverão retornar à pauta na próxima semana.


Compartilhar


Nosso site faz o uso de cookies para melhorar sua experiência de navegação. Leia sobre como utilizamos cookies e como você pode controlá-los clicando em "Preferências de Privacidade" à direita.

Preferências de Privacidade

Quando você visita qualquer site, ele pode armazenar e recuperar informações através do seu navegador, geralmente na forma de cookies. Como nós respeitamos sua privacidade, você pode escolher não permitir coletar dados de alguns tipos de serviços. Entretanto, ao não permitir esses serviços sua experiência pode ser impactada.


ACESSIBILIDADE

Para navegação via teclado, utilize a combinação de teclas: Alt + [ de atalho]

Atalhos de navegação:

Tamanho da Fonte/Contraste
fechar
ACESSIBILIDADE
Carregando... Por Favor, aguarde...